domingo, 15 de abril de 2007

- As quatro verdades do Buda -

-

Me inclinei para girar a torneira,
enchi o balde,
recolhi o tapete,
coloquei o balde no chão,
tomei impulso

e com um chute certeiro,
derrubei o balde com toda água que tinha dentro...

Peguei minha mochila,
chave e carteira

e fui pra Bahia.

-

2 comentários:

Anônimo disse...

Espera que eu vou também
Sem dia pra voltar...

"Dez"

trupe disse...

meu irmão !!!!!
bora bicar esse balde ae até os últimos momentos de nossas vidas


é uma questão de percepção sutil braço

Marechal Carleto Gaspar 1841

Marechal Carleto Gaspar 1841